blogue

Ler rótulos alimentares

18 Jul 2016

Porque é que ler os rótulos dos produtos alimentares que compramos é importante?

Porque só assim sabemos o que estamos realmente a comer…

 

Um rótulo é feito com base em regras estabelecidas, vai para além da menção que quase todos conhecemos - o prazo de validade - e é simples de ler.

 

A lista de ingredientes deve ser o primeiro aspeto a ter em conta.

Por duas razões fundamentais:

  1. Nesta lista constam todos os componentes utilizados na preparação do alimento (incluindo alergénios e aditivos).

  2. Os ingredientes encontram-se listados por ordem decrescente (o 1º ingrediente é o que existe em maior quantidade).

 

Há um blogue que tem esta questão bem sistematizada. Ora espreite aqui: Rótulos, Parte III.

 

 

 

 

Depois, em alguns rótulos, podemos ainda ir mais longe e saber qual a energia (kcal) e os nutrientes principais que estão dentro da embalagem (proteínas, hidratos de carbono, lípidos, fibras alimentares, sódio, vitaminas e outros microelementos – ferro, magnésio, fósforo…).

 

 

 

 

 

 

Posto isto, os nossos conselhos são:

  • Escolha produtos com uma reduzida lista de ingredientes – quanto mais simples e menos processados, melhor para o nosso organismo.

  • Evite produtos com aditivos *

  • Evite produtos com valores elevados de:

    • Açúcares (incluídos nos hidratos de carbono)

    • Gorduras (lípidos) – evitar os que contêm maiores valores de gorduras saturadas (preferir as gorduras monoinsaturadas ou polinsaturadas)

    • Sódio (incluído no sal) – o valor máximo recomendado para um dia é de 2g (equivale a 5g de sal).

 

*Os aditivos servem para conservar ou melhorar a aparência, a textura ou o sabor. A lista dos aditivos autorizados para produtos alimentares é vasta: antiaglomerantes, antioxidantes, conservantes, corantes, edulcorantes, emulsionantes, espessantes, estabilizadores… parece infindável.

Saiba mais no ficheiro “Ciência Viva VI – Ensino experimental das ciências na Escola” ou aceda à informação mais sistematizada disponibilizada no panfleto da DECO “Menos aditivos no seu prato

Please reload